Hoje vamos refletir sobre a Teologia da Trindade

Hoje na série “PENSE!” refletimos sobre a Teologia da Trindade.

Confira o vídeo abaixo:

Um pouco sobre a Trindade

A doutrina cristã da Trindade define Deus como três pessoas, o Pai, o Filho (Jesus Cristo) e o Espírito Santo. O conflito na mente humana acontece pois as três pessoas são distintas, mas são uma. De acordo com este mistério central da maioria das religiões cristãs, existe apenas um Deus em três pessoa “I João 5,7-8”. Apesar de distintas uma da outra, suas relações são considerados como um todo, coiguais, coeternos e consubstanciais e “cada um é Deus, completo e inteiro”. Assim, toda a obra da criação e da graça é vista como uma única operação comum de todas as três pessoas divinas, em que cada uma delas manifesta o que lhe é próprio na Trindade, de modo que todas as coisas são “a partir do Pai”, “através do Filho” e “no Espírito Santo”.

A Igreja Católica anuncia e ensina o mistério da Santíssima Trindade com base em citações bíblicas, porém desencoraja uma profunda investigação no sentido de querer decifrá-lo, visto que torna-se complexo usando simplesmente nossa razão humana.

Agostinho de Hipona, grande teólogo e doutor da Igreja, tentou e esforçou-se exaustivamente por compreender e desvendar este enigma. Após muito tempo de reflexão, esforço e trabalho, chegou à conclusão que nós, devido à nossa mente extremamente limitada, nunca poderíamos compreender e assimilar plenamente a dimensão (infinita) de Deus somente com as nossas próprias forças e o nosso raciocínio. Concluiu que a compreensão plena e definitiva deste grande enigma só é possível quando, na vida eterna, nos encontrarmos no Paraíso com o Pai, o Filho e o Espírito Santo.

Deixe seu comentário no final dessa publicação, e divulgue para os seus amigos que também tem interesse pela Teologia da Trindade. Você também pode receber todas as nossas atualizações direto no seu whatsapp – clique aqui e cadastre-se.